como gerenciar risco de um portfólio de criptoativos



Quando o preço de um ativo vai na direção certa, ele traz um enorme lucro. Mas os movimentos inesperados de preços estão repletos de riscos. É preciso ter uma estratégia de gerenciamento de risco para proteger seus investimentos em criptoativos.

Diversificação é a palavra de ordem quando se trata de gerenciar lucro e risco. Não se deve colocar todos os seus ovos em uma cesta investindo todos os seus fundos em um único ativo.

O mercado de criptomoedas está crescendo em um ritmo acelerado. De acordo com o CoinMarketCap, a capitalização total do mercado de criptomoedas ultrapassou US$ 1,23 trilhão em 1 de junho de 2022. Apenas para comparação, em março de 2020 a capitalização de mercado era estimada em apenas 160 bilhões.

À medida que o mercado continua a crescer rapidamente, muitas pessoas esquecem que a negociação de criptomoedas não envolve apenas lucros, mas também riscos. E não é incomum jovens traders se lançarem no mercado sem muita experiência, sob o risco de perderem tudo. Logo, quem não quiser perder seus fundos no primeiro dia deve ter em mente as regras de gerenciamento de risco: a estratégia certa irá ajudá-lo a obter um lucro e diminuir o risco de perdas potenciais.

Na negociação de criptomoedas, o risco envolve também a probabilidade de perder os fundos investidos. Portanto, gestão de risco é a capacidade de prever e controlar possíveis perdas de uma transação mal sucedida.

Crie um portfólio 

Criar um portfólio composto por diferentes instrumentos é a primeira providência. Dessa forma, uma única negociação infeliz será coberta pelo lucro do desempenho bem-sucedido com outros ativos.

Aqui está a maneira mais simples de criar um portfólio confiável e reduzir o risco:

  • Divida seu capital em 5-6 partes iguais e invista em diferentes ativos cripto, tais como Bitcoin, altcoins, índices cripto e instrumentos tokenizados (ouro, prata, ações).
  • Selecione uma pequena alavancagem (10 ou menos). Assim, os fortes movimentos de preços não vão derrubar sua negociação do mercado.
  • Defina os níveis de Stop Loss e Take Profit para evitar perder o momento certo para ter lucro.

Esses três passos, embora básicos, podem fazer toda a diferença na trajetória do trader.

Determinar a lucratividade da transação e a regra do 6% e 2%

Lembre-se de que nem todas as negociações serão lucrativas. Mesmo os traders profissionais perdem dinheiro. Perder faz parte da negociação, você simplesmente tem que aceitar. A principal coisa a considerar é a relação lucro/perda. Idealmente, deve ser de 3 para 1 ou pelo menos 2 para 1.

Os traders iniciantes se comportam de forma imprudente, investindo 30-40% de seu depósito em um negócio, o que pode levar a sérias perdas quando o negócio falha. Portanto, não se esqueça da regra dos 6% e da regra dos 2%.

A regra dos 6% diz que se você continuar perdendo dinheiro na negociação de uma criptomoeda ou qualquer outro ativo e não conseguir parar a série de negociações mal sucedidas, você deve parar de negociar se perder mais de 6% do seu depósito. Nesse caso, é recomendável fazer uma pausa na negociação por 1,5 a 2 semanas, para que você possa se recuperar psicologicamente e parar de tomar decisões precipitadas.

Sim, o psicológico é a principal arma, escudo e proteção para o trader. Agir motivado somente pela ganância, frequentemente leva o traders à ruína. Parar para pensar, estudar o cenário e tomar as decisões sempre baseadas em dados, é a única garantia de sobrevivência nessa atividade de especulação.

As informações contidas neste texto são de responsabilidade exclusiva do autor e não necessariamente refletem as posições do Cointelegraph Brasil.

LEIA MAIS:

Siga-nos nas redes sociais

Siga nosso perfil no Instagram e no Telegram para receber notícias em primeira mão!





Source link

Share to...