FOMO da Fusão da Ethereum não está precificado, tornando possível um pico de US$ 2,6 mil


Em um tweet de 30 de maio, o desenvolvedor chefe da Ethereum (ETH), Tim Beiko, confirmou que o tão esperado teste da Fusão pela testnet Ropsten, da prova de trabalho à prova de participação, pode ser esperado “por volta de 8 de junho”.

Curiosamente, a ação do preço do Ether está relativamente inalterada, apesar do anúncio inesperado e otimista. Houve uma alta de +10% em 30 de maio, mas esses ganhos foram perdidos entre 31 de maio e 2 de junho. É muito provável que a Fusão – atualmente prevista para agosto – ainda não tenha sido precificada, dando aos traders e investidores uma possível vantagem de entrada antecipada..

É essencial monitorar os dados na cadeia

Do ponto de vista de investimento e negociação, os mercados de criptomoedas têm uma desvantagem distinta em comparação com os mercados regulamentados e a transparência. O mercado de ações está repleto de divulgações legalmente exigidas. No mercado de ações, o trader de varejo pode identificar quantas ações de uma ação estão vendidas, qual instituição comprou (ou vendeu) uma grande quantidade divulgada, quais insiders compraram ou venderam e uma infinidade de outras formas de informação.

Os mercados de criptomoedas não possuem esses tipos de requisitos legais. Na verdade, o público não sabe se o Bitcoin (BTC) ou Ethereum que está sendo comprado e vendido em uma exchnage é a criptomoeda real ou um tipo de derivativo interno usado para facilitar a liquidez. Mas os mercados de criptomoedas têm algo melhor que o mercado de ações: os dados on-chain.

Os dados on-chain permitem que investidores e traders monitorem a atividade de rede de uma blockchain. Ele pode responder a perguntas: Quantos Ether está sendo enviado para uma exchange? Existem grandes transações? Alguma carteira de “baleia” é maior ou menor? Os dados on-chain podem ajudar a determinar se um trader ou investidor deve estar em alta ou em baixa.

Os dados on-chain que medem entradas e saídas são frequentemente usados ​​para determinar se uma criptomoeda é de alta ou de baixa. As medições de entrada são criptomoedas que entram em uma exchange de carteiras externas e geralmente são percebidas como um sinal de pressão de venda de entrada. As medições de saída são criptomoedas que saem de uma exchange para carteiras externas e são frequentemente percebidas como um sinal de retenção ou acumulação.

O número de transações de entrada permaneceu relativamente estável nos últimos três meses, com uma queda notável desde meados de maio.

Variação de entradas em 24h: -13,50%
Variação de entrada em 7 dias: -5,87%
Variação de entrada em 30 dias: -8,08%

No entanto, o número de transações de saída diminuiu desde março. Além disso, houve um grande pico de fluxo de saída em 12 de maio, a data do mais recente crash do flash do Ether, seguido por uma retomada de um declínio nas saídas.

Mudança de saída 24h: +3,62%
Alteração de 7 dias de saída: +8,87%
Alteração de 30 dias de saída: -1,56%

É importante notar que, desde 29 de maio, as saídas aumentaram e as entradas diminuíram. Isso pode ser um sinal de alta de que muito dinheiro está se acumulando.

O preço do Ether permanece em grandes oscilações de mínimas e os osciladores estão em mínimos históricos

A Fusão que ocorrerá em breve é um dos eventos mais significativos da história do Ethereum. É raro ver a segunda criptomoeda mais valiosa do mundo permanecer em mínimos de 200 dias e cair mais de 60% em relação ao seu recorde histórico.

Talvez os detalhes mais importantes e relevantes para o Ether sejam a posição do índice de força relativa e o índice composto.

O índice de força relativa semanal permanece em condições de mercado em alta, mas está um pouco acima do nível final de sobrevenda de 40. O valor atual de 42,15 é o mais baixo desde a semana de 18 de março de 2019.

O índice composto, da mesma forma, está próximo de uma baixa histórica. O índice composto, desenvolvido por Connie Brown, é essencialmente o RSI com um indicador de momento. É um oscilador ilimitado e pode capturar divergências que o RSI não pode. O valor do índice composto semanal é o terceiro mais baixo da história do Ethereum e o mais baixo desde a semana de 26 de março de 2018.

As leituras extremas de sobrevenda no gráfico semanal do Ether, o aumento das saídas e a redução das entradas podem dar aos investidores e comerciantes de Ethereum uma boa razão para estarem otimistas no curto prazo. No entanto, qualquer possível reação de alta provavelmente será rápida e abrupta, mas limitada ao ponto de controle de volume de 2022 em US$ 2.600.

As visões e opiniões expressas aqui são exclusivamente do autor e não refletem necessariamente as opiniões do Cointelegraph.com. Cada movimento de investimento e negociação envolve risco, você deve realizar sua própria pesquisa ao tomar uma decisão.

LEIA MAIS

Siga-nos nas redes sociais

Siga nosso perfil no Instagram e no Telegram para receber notícias em primeira mão!





Source link

Share to...