Analista que acertou queda do Bitcoin para US$ 23 mil, destaca 3 criptomoedas para comprar nessa baixa


O preço do Bitcoin (BTC) não conseguiu manter seu valor acima de US$ 28 mil e, na manhã desta segunda, 13, despencou mais de 10% e chegou a ser negociado abaixo de US$ 24 mil, levando consigo todo o mercado de criptoativos que retrocede abaixo de US$ 1 trilhão pela primeira vez em dois anos.

As expectativas porém não são positivas, como aponta o analista Felipe Veloso, economista e fundador da Cripto Mestre. Segundo ele, além dos dados da inflação americana que está muito maior que o esperado em 8.3%, outros indicadores podem pesar negativamente na semana como a pressão para que o FED aumente a taxa de juros em 0.75%.

“Uma queda de mais 20% em Junho agora é um cenário possível, e com o Bitcoin perto dos 25k e ETH dos 1.3k finalmente começaremos a entrar em valores interessantes para fazer nosso hold. Quem me acompanha sabe que estou esperando esse momento desde Novembro do ano passado, o momento do maior caos e derretimento pode estar perto, esses momentos são os melhores para comprarmos. Como diria a velha frase, compra quando o sangue está nas ruas, mesmo se parte desse sangue for o seu”, disse.

Assim como Medeiros, o analista Mike Ermolaev, head de PR da ChangeNOW, já havia previsto que o BTC provavelmente retrocederia para US$ 23 mil tendo em vista o fraco movimento das negociações de criptoativos e os temores com a situação macroeconômica mundial.

No entanto, Ermolaev aponta que não é apenas a macroeconomia que está afetando o desempenho das criptomoedas mas também as constantes falhas entre os principais protocolos do mercado, como foi o caso da UST/LUNA e agora da Solana.

Em 1º de junho, uma das principais altcoins, Solana sofreu outra queda de energia e ficou offline por mais de 4 horas. Como a equipe confirmou mais tarde, um bug no sistema impediu que a rede produzisse novos blocos.

“Embora o problema já tenha sido corrigido, a confiança na blockchain entre a comunidade está diminuindo gradualmente, pois não é a primeira vez que um incidente desse tipo acontece. Solana já sofreu 8 interrupções no total, 3 delas nos últimos dois meses”, disse.

Ele aponta que após o tempo de inatividade, a moeda caiu de valor. Durante a semana passada, o SOL tem flutuado dramaticamente, crescendo e caindo novamente. No total, a moeda recuou 9,14% nas últimas 24 horas e 2,29% nos últimos 7 dias

Fonte: Messari.io

“A tendência de baixa contínua. A situação política tensa e a instabilidade do mercado de ações também são conhecidas por influenciar os ativos digitais”, aponta.

3 criptomoedas de DeFi para ficar de olho

 

No entanto o analista aponta que o mercado de criptomoedas é amplo e que mesmo com a queda do Bitcoin e do Ethereum ainda há ativos que ignoraram a baixa e valorizaram enquanto as principais criptomoedas do mercado despenaram.

Neste sentido ele aponta que estas três criptomoedas podem ser ótimas opções de compra com a nova queda do mercado, pois, em uma recuperação ao longo da semana, eles deve pontuar entre os melhores desempenhos.

“Apesar da venda de muitas criptomoedas proeminentes, há ativos que conseguiram disparar em valor recentemente. Alguns dos tokens DeFi tiveram um desempenho notavelmente bom durante os últimos 7 dias”, destaca.

A primeira criptomoeda na lista do analista é a ‘Chainlink (LINK) que é atualmente a quarta maior moeda DeFi por capitalização de mercado. Fundado em 2017, o projeto apresentou uma das primeiras redes que poderiam permitir a integração de dados off-chain em contratos inteligentes. Também é considerado um dos projetos de maior destaque na área de processamento de dados.

LINK tem crescido constantemente esta semana. Ao todo, a moeda ganhou 22,51% nos últimos 7 dias, mas caiu 16% nas últimas 24 horas”, aponta

 

 

Em segundo lugar ele aponta a Theta Network, projeto que visa facilitar o streaming de vídeo. Sua rede descentralizada permite que os usuários compartilhem largura de banda e recursos de computação ponto a ponto. O token nativo do blockchain THETA é usado para várias tarefas de governança dentro do sistema.

“A THETA também tem subido nos últimos dias, mas agora também sofreu com a queda do BTC. No entanto é um ativo que devemos acompanhar”, disse

 

Finalizando a lista o analista destaca a Tezos projeto na qual os algoritmos da rede permitem que sua comunidade apresente facilmente alterações ao blockchain. A plataforma e seus aplicativos também são considerados ecologicamente corretos.

Assim como os tokens discutidos anteriormente, o XTZ está em alta esta semana, embora tenha perdido parte de seu valor durante o dia anterior, porém com a queda ele pode ser uma ótima opção de compra

 

LEIA MAIS

“Isenção de responsabilidade: As informações e/ou opiniões expressas neste artigo não representam necessariamente os pontos de vista ou a linha editorial do Cointelegraph. As informações aqui apresentadas não devem ser tomadas como aconselhamento financeiro ou recomendação de investimento. Todo investimento e movimento comercial implicam riscos e é responsabilidade de cada pessoa fazer a devida pesquisa antes de tomar uma decisão de investimento.”*
 

Siga-nos nas redes sociais

Siga nosso perfil no Instagram e no Telegram para receber notícias em primeira mão!





Source link

Share to...