Autoridades financeiras dos EUA investigam a Celsius por suspensão de saques



Reguladores de valores mobiliários de cinco estados dos EUA abriram uma investigação sobre a plataforma de empréstimo de criptomoedas Celsius Network por sua decisão de suspender saques de usuários.

De acordo com um relatório de quinta-feira (16/06) da Reuters, o diretor da divisão de fiscalização do Texas State Securities Board, Joseph Rotunda, disse que reguladores no Alabama, Kentucky, Nova Jersey, Texas e Washington começaram a investigar a Celsius depois que a plataforma anunciou que estaria “pausando todas as retiradas, trocas e transferências entre contas.” Rotunda teria chamado a investigação de “prioridade” para o regulador do Texas e confirmou ao Cointelegraph que a divisão de fiscalização estava “analisando a questão envolvendo as contas congeladas”.

“Estou muito preocupado que os clientes – incluindo muitos investidores de varejo – possam precisar acessar imediatamente seus ativos, mas não conseguirem sacar de suas contas”, disse o diretor de fiscalização. “A incapacidade de acessar seus investimentos pode resultar em consequências financeiras significativas.”

O relatório sobre uma possível investigação sobre a Celsius seguiu um relatório do Wall Street Journal de quinta-feira de que duas empresas que apoiaram a plataforma de empréstimo de criptomoedas durante uma rodada de financiamento de novembro de 2021 não planejavam fornecer fundos adicionais devido aos riscos potenciais, citando pessoas com conhecimento da situação. O WestCap Group e o fundo de pensão canadense Caisse de dépôt et placement du Québec lideraram uma rodada de financiamento Série B de US$ 750 milhões para a Celsius, o que ajudou a plataforma a atingir uma avaliação de US$ 3,5 bilhões.

Com o mercado de criptomoedas passando por uma volatilidade significativa em junho, a Celsius contratou advogados para encontrar soluções diferentes para os atuais desafios financeiros enfrentados pela empresa. O CEO Alex Mashinsky foi ao Twitter na quarta-feira (15/06) – quebrando um silêncio de três dias nas redes sociais – para dizer que a equipe da Celsius estava trabalhando “sem parar” para resolver as preocupações dos usuários.

A equipe @CelsiusNetwork está trabalhando sem parar. Estamos focados em suas preocupações e gratos por ter ouvido de tantos. Ver vocês se unindo é um sinal claro de que nossa comunidade é a mais forte do mundo. Este é um momento difícil; sua paciência e apoio significam o mundo para nós.

— Alex Mashinsky (@Mashinsky) 15 de junho de 2022

O Texas State Securities Board também entrou com ação contra a Celsius em setembro de 2021, inicialmente agendando uma audiência relacionada às alegações de que a rede havia oferecido e vendido títulos no estado que não eram registrados ou permitidos, além da plataforma não se registrar como revendedora nos termos Lei de Valores Mobiliários do Texas. O New Jersey Bureau of Securities emitiu uma ordem de cessação e desistência contra a Celsius por supostas violações semelhantes das leis de valores mobiliários do estado.

As principais criptomoedas, incluindo o Bitcoin (BTC) e Ether (ETH), caíram para cerca de US$ 20.000 e US$ 1.000, respectivamente, nos últimos sete dias em meio à extrema volatilidade do mercado. Possivelmente em resposta a essas perdas, muitas exchanges de criptomoedas anunciaram cortes de funcionários entre 5% e 20%, incluindo Coinbase, Gemini e Crypto.com.

O Cointelegraph entrou em contato com a Celsius Network, mas não recebeu uma resposta no momento da publicação.

VEJA MAIS:

Siga-nos nas redes sociais

Siga nosso perfil no Instagram e no Telegram para receber notícias em primeira mão!





Source link

Share to...