Promotores sul-coreanos proíbem funcionários do Terraform Labs de saírem do país, diz reportagem



Os funcionários do Terraform Labs não podem deixar a Coreia do Sul porque os promotores do país impuseram uma proibição de saída dos principais desenvolvedores do projeto.

Na segunda-feira, o meio de comunicação coreano JTBC informou que uma equipe de investigação da Promotoria do Distrito Sul de Seul impôs uma proibição de viagem aos principais membros da equipe do Terraform Labs. A proibição foi implementada para eliminar a possibilidade de funcionários-chave da empresa fugirem para o exterior para evitar investigações adicionais.

O relatório também destacou que o CEO da Terraform Labs, Do Kwon, que é uma figura-chave na investigação, está atualmente residindo em Cingapura, que fica fora do país. Por causa disso, a promotoria pode tomar medidas como invalidar o passaporte de Kwon antes de iniciar uma investigação mais abrangente sobre ele.

Em um tweet, o desenvolvedor do Terra, Daniel Hong, compartilhou que até ex-funcionários do Terraform Labs receberam uma proibição de saída do governo. De acordo com Hong, nenhum dos funcionários foi notificado para evitar qualquer possibilidade de destruição de provas à medida que a investigação continua.

parem de me perguntar por que eu não consegui chegar a NYC amigos, é por isso: o governo coreano impôs uma proibição de saída para todos os ex-funcionários da @terra_money hoje pic.twitter.com/5Jds99ZNwQ

— Daniel Hong (@unifiedh) 20 de junho de 2022

Hong também expressou decepção com a proibição, dizendo que mostra que os funcionários estão sendo tratados como criminosos, o que ele descreveu como “inaceitável”. O desenvolvedor observou que os funcionários que poderiam estar dispostos a cooperar podem ter mudado de ideia por causa da proibição.

Em maio, uma famosa unidade de investigação de crimes financeiros apelidada de “Ceifadores Cuéis de Yeouido” foi revivida pela Coreia do Sul para investigar o colapso da Terra. A equipe é composta por vários reguladores e se concentrará em processar fraudes e esquemas de comércio ilegal.

Enquanto isso, as exchanges na Coréia criaram um novo sistema que garantiria a conformidade regulatória e tomaria decisões conjuntas para evitar outra situação como a que aconteceu com a Terra. O sistema de emergência será ativado dentro de 24 horas se ocorrer um colapso semelhante.

LEIA MAIS:

Siga-nos nas redes sociais

Siga nosso perfil no Instagram e no Telegram para receber notícias em primeira mão!





Source link

Share to...