spot_img

NEWS

NEWS

Countries where Bitcoin (BTC) is legal

Typically there are macroeconomic factors that a...

Top 5 misconceptions about the anticipated Ethereum upgrade

The excitement around Ethereum’s (ETH) upcoming upgrade, The...

Ethereum hits 8-month highs in BTC as money heads for ‘riskier’ altcoins

Ether (ETH) is worth more in Bitcoin (BTC)...

Métrica historicamente precisa aponta tendência de alta para o Bitcoin apesar do ‘imprevisível’ mercado de baixa de 2022


O Bitcoin (BTC) está desfrutando do que alguns chamam de “rali do mercado de baixa” e valorizou 20% em julho, mas a ação do preço do BTC ainda está confundindo os analistas.

À medida que o fechamento mensal de julho se aproxima, o Múltiplo de Puell deixou sua zona de fundo, desperando esperanças de que o pior das perdas possa ter ficado no passado.

Múltiplo de Puell tenta consolidar rompimento

O Múltiplo de Puell Multiple é uma das métricas on-chain mais populares do Bitcoin. Ele mede o valor dos Bitcoins minerados em um determinado dia em comparação com o valor das moedas mineradas nos últimos 365 dias.

O múltiplo resultante é usado para determinar se o custo das moedas extraídas em um determinado dia estão particularmente altos ou baixos em relação à média do ano. A partir disso, a lucratividade do minerador pode ser inferida, juntamente com conclusões mais gerais sobre o quanto o mercado está sobrecomprado ou sobrevendido.

Depois de atingir os níveis que tradicionalmente acompanham os fundos macro do preço do BTC, o Múltiplo de Puell agora está mirando mais alto – um padrão tradicionalmente registrado no início de macro tendências de alta do Bitcoin.

“Com base em dados históricos, a fuga desta zona foi acompanhada por um ganho de impulso de alta no gráfico de preços”, escreveu Grizzly, colaborador da plataforma de análise on-chain CryptoQuant, em uma das atualizações de mercado “Quicktake” da empresa em 25 de julho.

Gráfico do Múltiplo de Puell Multiple (captura de tela). Fonte: LookIntoBitcoin

O Múltiplo não é o único sinal verde piscando nas condições atuais. Como o Cointelegraph relatou, as tendências de acumulação entre os hodlers também estão sugerindo que o fundo macro já foi alcançado.

“Condições macroeconômicas sem precedentes”

Após um surpreendentes salto de alívio na segunda metade deste mês, o Bitcoin está agora perto de seus níveis mais altos em seis semanas e longe de uma nova macro baixa.

À medida que o sentimento sai da zona de “medo”, os observadores do mercado apontam para fenômenos únicos que continuam a tornar o mercado de baixa de 2022 extremamente imprevisível.

Em outra de suas recentes pesquisas “Quicktake”, a CryptoQuant observou que mesmo as linhas de tendência de preços não estão agindo normalmente desta vez.

Em particular, o par BTC/USD cruzou seu nível de preço realizado várias vezes nas últimas semanas, algo que não ocorreu em mercados de baixa anteriores.

O preço realizado é a média em que a oferta de BTC se moveu pela última vez e atualmente fica abaixo de US$ 22.000.

“O preço realizado sinalizou os fundos do mercado em ciclos anteriores”, explicou a CryptoQuant.

“Mais importante, o preço do Bitcoin não ultrapassou o limite do preço realizado durante os últimos dois períodos (134 dias em 2018 e 7 dias em 2020). No entanto, desde 13 de junho, ele cruzou esse nível três vezes, o que mostra o singularidade deste ciclo devido a condições macroeconômicas sem precedentes.”

Gráfico de preço realizado do Bitcoin. Fonte: Glassnode

Essas condições, como o Cointelegraph relatou, vieram na forma de altas de quarenta anos na inflação nos EUA, aumentos desenfreados das taxas de juros pelo Fed (Banco Central dos EUA) e, mais recentemente, sinais de que a economia norte-americana entrou em recessão.

Além do preço realizado, o Bitcoin também formou uma relação incomum com sua média móvel de 200 semanas neste mercado de baixa.

Embora normalmente a sustente como suporte com breves quedas abaixo, o par BTC/USD conseguiu transformar a média móvel de 200 semanas em resistência pela primeira vez em 2022. Atualmente, ela está em torno de US$ 22.800, mostram dados do Cointelegraph Markets Pro e da TradingView.

Gráfico de 1 semana BTC/USD (Bitstamp) com média móvel de 200 semanas. Fonte: TradingView

As opiniões e pontos de vista expressos aqui são exclusivamente do autor e não refletem necessariamente as opiniões do Cointelegraph.com. Cada movimento de investimento e negociação envolve risco, você deve realizar sua própria pesquisa ao tomar uma decisão.

LEIA MAIS



Source link

spot_img
Share to...