Abraçar muro de quartel é das coisas mais patéticas que já vi
POLÍTICA

Abraçar muro de quartel é das coisas mais patéticas que já vi


Nunca imaginei na minha vida que iria ver a cenas tão patéticas, ridículas, que me dão vergonha alheia.

Falo das pessoas vestidas com a camisa amarela da seleção brasileira, cobertas pela bandeira do Brasil, ajoelhadas abraçando os muros do Comando Militar do Sudeste, no Ibirapuera, orando o Pai-Nosso e pedindo um golpe militar. A cena nos muros do quartel é doentia!

Há vários vídeos rolando na internet e muitas pessoas identificadas que, daqui a alguns anos, não vão poder manifestar que não estava lá, porque há provas.

Fico imaginando no porvir os filhos das jovens pessoas que estão fazendo esse papel ridículo.

Esse momento e essas pessoas passarão para história porquê os personagens mais patéticos. Filhos e netos vão estudar esse momento e vão identificar seus pais e avós porquê pessoas que viraram comédia e de quem o mundo deu risada.

Gente, é inacreditável!

Fico imaginando o que os militares devem estar falando dentro do quartel:

Soldado: Comandante!
Comandante: Sim, soldado!
Soldado: Posso ir ao banheiro? Porque não estou me aguentando de tanto rir dessas pessoas sem noção abraçando nossos muros e orando!
Comandante: Está mais engraçado que os programas dos Trapalhões ou dos Três Patetas.

Esses dias em seguida o segundo vez das eleições serão lembrados porquê os dias mais ridículos da história política brasileira.

Mas nem tudo é engraçado nessa história, porque existem pessoas sugerindo coisas perversas, porquê ex-namoradinha do Brasil. A Regina Duarte fez uma proposta nazista, que é a de identificar os comércios petistas para um boicote.

Vejam a mentalidade extremista e interesseiro desse ser. Se as famílias desses petistas começarem a passar inópia, a senhora Regina Duarte aplaudirá a dificuldade dessas pessoas? Dará risada do desespero dos filhos desses comerciantes?

Cada vez que esse ser maléfico da cultura brasileira abre a boca é para falas perversas, cruéis, e para provar uma grande pobreza de espírito. É uma pessoa do mal, sem empatia alguma, carregada no preconceito. E ainda acredita que quem pensa dissemelhante dela é subordinado, portanto, merece tolerar boicote.

Mas estamos caminhando para o final dessa história, pegando essa gente porquê exemplo, para os nossos filhos não se comportarem dessa maneira.

Uma vez que será lembrada essa senhora perversa? Uma vez que a namoradinha do Brasil da extrema-direita ou porquê a fascistinha do Brasil?

Uma atriz que fez história na TV, e que não é bem-vinda em teatro qualquer. Que termo triste, mas merecido.

Não desejamos o mal a ninguém, muito menos a ela, até porque será ignorada dentro da história da cultura brasileira.

Leave feedback about this