Solojet Aviação anuncia a incorporação de mais duas aeronaves à frota de compartilhados – Prisma
NOTÍCIAS URGENTES

Solojet Aviação anuncia a incorporação de mais duas aeronaves à frota de compartilhados – Prisma



A Solojet Aviação, empresa do segmento de aviação executiva, anunciou na Aviatrade, evento de aviação executiva e ligeiro que acontece no Aeroporto de Jundiaí, a chegada de mais duas aeronaves Hawker 400 para o programa Solojet Shares. Com isso, a empresa passa a relatar com uma frota de cinco aeronaves para compartilhamento.


“Adquirimos uma aeroplano no mercado brasiliano e uma outra no exterior, que deve chegar nas próximas semanas. Todas as aeronaves que integram a frota do Solojet Shares passam por um completo retrofit, recebem um interno completamente novo e ganham novidade pintura nas cores do programa”, disse André Bernstein, CEO da Solojet Aviação. Segundo o executivo, a rápida expansão da frota mostra que estão no caminho notório, tanto do protótipo de negócios, o compartilhamento, quanto a escolha da aeroplano.


No programa Solojet Shares, é provável comprar uma prestação da aeroplano com valores a partir de US$ 550 milénio (25% de participação na propriedade). Dessa forma, a aeroplano é dividida entre quatro proprietários, assim uma vez que os custos fixos, mas cada um paga somente os custos operacionais dos próprios voos.


Para quem ainda não conhece, o Hawker 400 é um jato executivo, de protótipo robusto e ótima performance e custo-benefício. A aeroplano tem capacidade para transportar até oito passageiros na cabine mais confortável e espaçosa da categoria, com 305 pés cúbicos.


Com um teto operacional de 45 milénio pés e altitude de cabine de 8.000 pés, o Hawker proporciona voos muito mais confortáveis e com menor turbulência. O protótipo atinge velocidade máxima de 450 nós / 833 km/h e tem alcance sumo de 1400 milhas náuticas / 2.592 km. Ou seja, é capaz de fazer um trajeto de São Paulo até Recife sem escalas, por exemplo.

Leave feedback about this